jeudi 15 juillet 2010

NOVE


cg- pensavas que iamos durar tanto tempo ?

jc- eu sempre pensei que era para a vida inteira.

jc- Deve ter sido a melhor ideia que tive até hoje. Foi beijar-te naquele momento.


Há nove meses atrás estava eu com as minhas amigas à espera de te ver para irmos juntos para a esplanada. Há nove meses atrás eu estava caídinha por ti e eu não fazia a mínima o que sentias por mim. Na esplanada conversamos, houve momentos de silêncio como ainda há hoje, mas hoje preenchemos esses momentos com beijos e abraços. Há nove meses atrás fomos juntos para a paragem. Pelo caminho fizeste-me cócegas, mesmo sabendo que eu não gostava. As cócegas levaram a dar-nos as mãos e do nada disseste: -Ainda dizes que não és linda. Fiquei tão envergonhada. Puxaste-me para junto de ti, as tuas mãos na minha cintura e , sem eu contar , beijaste-me. Foi tão bom. Fiquei tão feliz. Mas foste embora e eu fiquei à espera de uma mensagem tua. Não sabia se íamos ficar por ali ou se iamos ser mais do que amigos, só sabia que aquele beijo foi perfeito e que tu talvez sentisses o mesmo que eu sentia por ti. Pediste-me em namoro e eu aceitei, claro. Há nove meses que o amor que eu sinto por ti só veio fortalecer. Agora pergunto-me o que seria de mim sem ti ? Eu preciso de ti. Estou com o rapaz que me faz mais feliz do que os outros todos juntos. Eu não me quero ver sem ti. Eu quero-te comigo para sempre porque é sempre bom ter-te por perto, meu amor. Mesmo não te vendo, tenho na memória todos os nossos momentos. Eu amo-te incondicionalmente e tenho de te agradecer por TUDO o que tens feito por mim e por nós. Há nove meses que te digo o mesmo e ainda não me fartei, nem vou : AMO-TE , nunca duvides disso.


há nove meses atrás, tornei-me a rapariga mais feliz do mundo.


2 commentaires:

inês a dit...

está tão bonito +.+
e parabéns, já agora *

Izzie Williams a dit...

ai paixão :p